Relatório “Trabalho digno em Portugal 2008-2018: da crise à recuperação”

Publicado o relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) sobre “Trabalho digno em Portugal 2008-2018: da crise à recuperação”, que será apresentado em sessão pública a decorrer esta tarde, no Palácio Foz, com a presença do Senhor Diretor-Geral da OIT, Guy Ryder, do Senhor Primeiro Ministro, António Costa, e do Senhor Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva.  

O relatório “Trabalho Digno em Portugal 2008-18: da crise à recuperação” debruça-se sobre a saída de Portugal da crise, sobressaindo das suas conclusões que o diálogo social entre o governo e os parceiros sociais antes, durante e depois da crise foi fundamental para a recuperação do país.

A articulação de medidas de política económica e social e um diálogo social construtivo ajudaram Portugal a recuperar da crise económica e financeira de 2008 e impulsionaram o crescimento económico e do emprego.

De acordo com o relatório, a experiência portuguesa não acompanha a noção convencional de que a recuperação económica pode ser acelerada e a competitividade internacional rapidamente recuperada simplesmente por meio da redução dos custos laborais e flexibilizando o mercado de trabalho.